terça-feira, 14 de junho de 2011

Pe. Zezinho: 13 anos de sacerdócio


Será no dia 19 de junho (domingo) o 13º aniversario de ordenação sacerdotal do administrador paroquial de Lajes, Pe. José Roberto da Rocha (Zezinho). Neste dia, será celebrada Missa em ação de graças na Igreja Matriz, às 19h30min, na ocasião será apresentado à comunidade católica o Apostolado da Oração que inicialmente será composto por 32 associados.

O que é o Apostolado da Oração

A devoção ao Sagrado Coração de Jesus nasceu aos pés da cruz quando o soldado atravessou a lança no peito de Jesus, saindo sangue e água. Depois na França, os estudantes de filosofia e teologia, presos aos seus livros, decidiram fundar um apostolado para que todo o povo participasse da sua paróquia. Assim, inspirado pelo Espírito Santo, o Padre Francisco Xavier, jesuíta, fundou esse Apostolado, para oferecer a Deus suas obras e sofrimentos, dores e alegrias, trabalhos e cansaços, tudo em união ao Sagrado Coração de Jesus.

No Brasil, o primeiro Apostolado da Oração foi fundado no dia 30 de junho de 1867, na igreja Santa Cruz em Recife. Somos soldados de Cristo, por isso temos a bandeira do apostolado. Cada um de seus membros possui uma fita, símbolo da nossa consagração a Jesus, e sua cor é vermelha, que significa o sangue, serviço e doação plena ao Senhor, cada uma, ainda tem o bentinho, que fica ao lado do nosso coração, para que o nosso coração se une ao Coração de Cristo, por fim, a fita apresenta uma medalha com a estampa do Sagrado Coração de Jesus. Por isso que no dia da entrega da fita o membro a recebe como sinal de amor e serviço, ganhando neste mesmo dia indulgência plenária (lembrando que para ganhar indulgência é preciso confissão, comunhão, rezar o Pai-Nosso, a Ave-Maria e o Glória nas intenções do Santo Papa).

Missa solene encerra programação de Pentecostes


A Santa Missa celebrada pelo administrador paroquial, Pe. Zezinho, foi o ponto alto da tarde de adoração ao Espirito Santo. A Paroquia de Lajes que compõe também os municípios de Caiçara do Rio dos Ventos e Pedra Preta, comemoram neste ano 90 anos de evangelização. A festa de Pentecostes deste domingo tem sido um momento para despertar os fieis nas comemorações que sera celebrada nos meses de novembro e dezembro.